compartilhefacebooktwittergoogle
 destaqueoutras

Carta aberta aos Candidatos (ao Executivo e Legislativo) das eleições de 2014

Não votarei em candidato que não se pronunciar claramente contra o Aborto.

banner
0

Esta carta é dirigida a todos os candidatos que já se apresentaram e àqueles que ainda se apresentarão para as Eleições de 2014.

Senhor Candidato,

Muitos políticos são famosos por não serem claros em suas opiniões, especialmente antes das eleições.

Todo mundo sabe que isso faz parte de um processo de enganação dos eleitores.

Depois que ganham nosso voto, esses senhores esquecem que estão lá para representar o povo. E, em geral, fazem o oposto do que prometeram.

Agora, com a proximidade das eleições, estou me preparando para votar conscientemente.

Por isso, eu lhes aviso: para conseguir o meu voto, não adianta lançar mão de truques e manobras para me enganar, me enrolar, ou me esconder o que esses senhores realmente pensam.

Não quero mais ver no nosso Congresso e no Executivo, pessoas desqualificadas moralmente. Hoje, nosso país sofre as consequências de anos e anos desse processo corrupto.

Mas desta vez, senhor Candidato, vai ser tudo diferente.

Eu eleitor, quero um país melhor.

Estou cansado...

...de ver o Congresso e o Executivo transformados num mercado de negociatas escusas, com o desprezo dos grandes temas morais, como é a questão do ABORTO.

Estou cansado...

...de ver todas as semanas uma nova denúncia de corrupção, um novo escândalo, que depois termina em impunidade, enquanto que o país, parado, ouve discussões intermináveis e infrutíferas na grande mídia.

Estou cansado...

...de pagar impostos escorchantes - trabalhando 4 a 5 meses por ano para satisfazer a fome insaciável de um "sócio" indesejável, chamado Governo - que depois zomba de nossa cara, aprova leis iníquas, patrocina blasfêmias com dinheiro público, ou silencia a respeito daquilo que não lhe convém.

Estou cansado...

...de ter representantes incompetentes, alguns semianalfabetos, que se elegem através dos chamados "currais" eleitorais, construídos na base da corrupção e da compra de voto.

Estou cansado... senhores candidatos!

Entretanto, eu tenho uma novidade.
Talvez o senhor não tenha se dado
conta, mas as coisas estão mudando!

Antes de lhe dar meu voto...

...vou pesquisar suas posições através da Internet.

Para que serve o Google? Na Internet fica tudo registrado. A sua vida está lá. Suas declarações, seu trabalho (ou não!), suas omissões. Enfim, não dá mais para o senhor dizer que pensa algo diferente do que afirmou no passado. Vai ter que me provar por escrito.

Antes de lhe dar meu voto...

...vou querer conhecer seu histórico como político e sua moralidade como cidadão. Não serei responsável por colocar nos mais altos cargos do país, corruptos e verdadeiros depredadores do patrimônio público. Do meu patrimônio.

Antes de lhe dar meu voto...

...vou procurar saber se o sr. não é um daqueles omissos, ou daqueles que "não sabem de nada". Ou que "votou com a liderança do partido", passando por cima até de princípios morais não negociáveis.

Antes de lhe dar meu voto...

...eu vou lembrar que aquele ato de apertar um botão na urna, está sendo assistido por Deus, e eu não quero ser surpreendido no dia do meu Juízo com o pecado de ter elegido um assassino.

Sim, um assassino...

Porque antes de lhe dar meu voto vou querer saber muito bem sua posição clara e transparente a respeito do ABORTO.

Vou lhe dar uma sugestão para nos informar sobre sua posição a respeito desse crime hediondo:

Escreva aqui a sua opinião. (veja que o sr. terá toda a segurança na divulgação)

Indique-me sua posição clara, límpida, transparente, a respeito do crime de Aborto. Seja ele cometido a que pretexto for. Crime que já se tornou responsável por genocídios que superam o dos comunistas e dos nazistas. Vitimando a cada ano milhões de bebês indefesos.

Depois... eu vou lhe cobrar.

E, se eu constatar que traiu minha confiança, irei até lhe denunciar - se for o caso - por ter roubado meu voto, como um assaltante comum, vil e desprezível.

Nas últimas eleições vimos candidatos que mudaram várias vezes de ideia de acordo com suas conveniências. Trocaram de religião, apareceram rezando em público, etc, etc.

Prometeram que não promoveriam o Aborto e depois... facilitaram de todos os modos medidas e mudanças em artigos de lei que promoviam o assassinato de inocentes sob vários pretextos.

Agora, eu quero que o senhor saiba que vou lhe controlar.

O regime democrático me dá esse direito!

Eu vou acompanhar os candidatos que vão escrever claramente sua posição aqui, no site da Associação Devotos de Fátima.

Vou receber e-mails da Associação, informando cada novo político que se comprometeu - sem tergiversações - a combater qualquer lei que favoreça o massacre de inocentes.

Vou espalhar este e-mail entre todos os meus amigos, que pensam como eu. E que já estão fartos de serem enganados!

SIM. Estamos fartos de mentiras, senhores candidatos.

Agora é a nossa vez de mudar o Congresso e a Política Nacional.

Só vou votar em homens e mulheres que defendem a vida humana, desde a sua concepção até a morte natural.

Aguardo sua manifestação.

Mesmo diante de tantos compromissos que antecipam as eleições, sei que a vida humana deve ser prioridade para qualquer candidato, não é mesmo?

Por isso vou fazer de tudo para que o senhor, candidato pró-aborto, NÃO seja eleito. Que o senhor, candidato, vote de acordo com suas conveniências partidárias quando o debate moral começar.

Eu quero que o senhor, candidato, se for eleito e aprovar uma lei iníqua ou permanecer calado quando puder fazer algo para impedi-la, saiba que estará sendo cúmplice e co-autor desse vil assassinato.

E comprometo-me a divulgar isso de todas as maneiras.

Atenciosamente,

##NOME##



*Você receberá um e-mail para confirmar sua assinatura. Verifique a pasta de SPAM. Somente após sua confirmação seu nome aparecerá ou não - segundo sua escolha - na lista dos que subscrevem a presente Carta Aberta.

Quero que meu nome apareça na lista abaixo.
Prefiro que meu nome não apareça.

baixo
cima

0 pessoas já assinaram a Carta:

Veja aqui os comentários sobre a Carta Aberta à Ministra da Cultura Marta Suplicy
cima

Divulgue esta carta aberta aos seus amigos:

Apenas com a sua ajuda conseguiremos mais assinaturas. Envie agora esta página aos seus amigos, pelos meios abaixo:

google
baixo
 
Fale conoscoCampanha promovida pela Associação Devotos de Fátima